Introdução ao seguro odontológico

Cortes e dores de dente doem mais do que deveriam. Embora algumas dores desapareçam em alguns dias, a dor de dente vai levar seu bolso para dar uma volta antes de sumir. Acredite em mim, o atendimento odontológico é proibitivamente caro, mas ainda faz parte do atendimento médico necessário e muito importante.

Aí vem o seguro dentário. No passado, não era considerado um grande privilégio para uma grande empresa. O seguro dentário hoje se estabeleceu como um benefício indispensável. Mesmo a maioria das pequenas empresas oferece seguro dentário hoje para recrutar e reter trabalhadores. A cobertura odontológica custa menos de 10% da cobertura médica total, portanto, seus procedimentos preventivos e acessíveis, como limpezas, garantem a saúde geral dos funcionários, o que significa diminuição do tempo de doença e aumento da produtividade.

Vários planos de seguro odontológico com inúmeras variações estão disponíveis hoje. Você deve ter cuidado e tempo para considerar todas as opções.


Planos mais caros:

Planos de reembolso direto

Esses planos são os mais caros do lote. Eles operam pagando a cobertura odontológica dos funcionários com um fundo reservado pela empresa para essa finalidade.

A simplicidade deste plano o torna o mais eficaz, o reembolso é feito por uma fórmula simples dispensando a complexidade de copagamentos, franquias etc. Mesmo que a ADA recomende fortemente este plano, este tipo de atendimento odontológico direto pode não ser acessível por empresas menores.


Planos menos caros:

Planos de cuidados gerenciados

Semelhante a um HMO médico, os planos odontológicos de assistência gerenciada precisam pagar pelo tratamento por meio de co-pagamentos regulares e escolher um grupo formal de dentistas para serem tratados. Esses planos fazem várias medidas de controle de custos e podem ser mais acessíveis para pequenas empresas.

O valor do co-pagamento varia de acordo com o procedimento. Os procedimentos preventivos são geralmente realizados sem co-pagamento, no entanto, procedimentos avançados terão co-pagamentos maiores.

A escolha é da empresa e de seus gestores financeiros, porém, muito cuidado na escolha do plano.

Voltar